*~* Microchip em Animais *~*












O chip (ou "cápsula", o termo usado pela lei), que só poderá ser implantado por um veterinário, contém um código de identificação individual que remete para uma ficha de registo contendo dados sobre o animal (raça, sinais particulares, etc.) e o seu proprietário (nome, morada, etc.).Até ontem, a Lei (Decreto-Lei n.º 313/2003, de 17 de Dezembro) impunha, desde 1 de Julho de 2004, a identificação electrónica apenas nos cães perigosos ou potencialmente perigosos, nos cães de caça e nos animais em exposição para fins comerciais ou lucrativos, concursos ou publicidade, designadamente.Entre perigosos e potencialmente perigosos, o Sistema de Identificação de Caninos e Felinos (SICAFE) gerido pela Direcção-Geral de Veterinária regista apenas 8.760 cães. Como animais expostos para comercialização para fins comerciais ou em concursos, por exemplo, constam 5.713. Com os 193.575 cães de caça, a soma dá 208.048 animais, menos que os 242.254 animais (uma minoria de gatos incluída) registados na base de dados gerida pelo Sindicato dos Médicos Veterinários - o Sistema de Identificação e Recuperação (SIRA)."O número de animais a precisar de registo corresponde a cinco ou seis vezes mais", afirma o presidente da Ordem dos Veterinários, José Resende, apontando a insuficiência ao facto de muitos proprietários não procederem ao registo e de muitas juntas de freguesia não reunirem condições para cumprir a lei. Compreende-se, quando têm outras prioridades, aceita José Resende, defendendo que o sistema identificação e registo de cães deve ser junto ao de vacinação anti-rábica e basear-se mais nos médicos veterinários."A prova dos nove do sistema vai tirar-se daqui a um ano ou mais - talvez em 2010", com a implantação obrigatória do chip em todos os cães nascidos a partir de hoje, por mais meigos que sejam. É que a medida não se destina a ter sob controlo apenas os perigosos. "É muito positiva, do ponto de vista social e do ponto de vista do bem-estar dos animais, evitando-se que os donos os abandonem sem dar satisfações a ninguém", sublinha. A morte, o desaparecimento ou a venda ou doação de um animal são de comunicação obrigatória às junta de freguesia. A medida torna obrigatória uma prática voluntária desde 1991, através do SIRA, que torna possível localizar o dono de um animal perdido ou... furtado."Se for levado a um veterinário que possua leitor óptico, ele verifica se tem um microchip e identifica o proprietário", explica Catarina Sá Fernandes, responsável pelo SIRA, que respondeu às propostas das organizações zoófilas e de defesa dos direitos doa animais.
Respostas a alguns possíveis questionamentos:

1) Por que a FECESP selecionou e adotou a tecnologia da PARTNERS?
R: Dentre todas as empresas do segmento que participaram do processo de escolha, a PARTNERS foi a que ofereceu a solução adequada às necessidades da FECESP, tendo inclusive concordado com que outras empresas fornecedoras de microchip também pudessem estar presentes no mercado. Além disto, a Partners disponibiliza Microchip de alta tecnologia totalmente dentro das normas internacionais e com produto antimigratório comprovado.

2) O que é transponder (Microchip)? Como ele é? Quais suas características principais?
R: Conhecido popularmente como Microchip, é um micro-circuito eletrônico constituído de um código exclusivo e inalterável, encapsulado em biovidro cirúrgico e, no caso do Microchip Partners, revestido de substância biocompatível antimigratória para uso em animais.

3) Por que adotar microchip para identificação dos animais?
R: O microchip é um método de identificação seguro, inviolável e permanente que garante a identificação do animal, além de facilitar o trabalho do criador evitando confusões entre ninhadas, facilitar a vida do veterinário podendo ter acesso aos dados do animal na internet, facilitar o resgate do cão caso ele se perca ou seja roubado entre outras centenas de vantagens. O microchip serve como um atestado de que um determinado cão seja mesmo o cão em questão. Em vários Países é obrigatório o uso deste método para identificar todos os animais de estimação/companhia. É uma tendência natural que só traz benefícios ao segmento e à população em geral.

4) Qual o tamanho ideal do microchip para uso em cães?
R: O menor deles é do tamanho aproximado de um grão de arroz, medindo 12mm x 2mm. Não há, até o momento, microchip menor de 12x2mm aprovado para uso em animais.

5) Qual é a durabilidade do microchip?
R: O microchip não possui bateria e fica inativo a maior parte do tempo, sendo energizado apenas quando recebe um sinal enviado pela leitora. Após a aplicação, permanece com o animal por toda sua vida. Fornece seu número exclusivo toda vez que for "scaneado" pela leitora, enviando seu código que é mostrado no visor desta, sendo possível o envio da informação para um computador. Como o microchip não contém bateria, não há nada para se desgastar. Sua durabilidade é o tempo em que o biovidro demora em se decompor, ou seja, mais de 100 anos.

6) Por que usar somente microchip e leitoras dentro das normas internacionais ISO11784 e ISO11785?
R: Estas normas internacionais foram desenvolvidas para regulamentar o uso de microchip em animais, determinando o tipo, controlando a numeração exclusiva do microchip e para possibilitar que o animal seja identificado em qualquer lugar do mundo através da leitura do microchip por qualquer leitora dentro das normas.

7) Como é feita a aplicação do microchip no animal?
R: Seu pequeno tamanho e forma permitem que sejam injetados no animal com uma seringa especial parecido aos aplicadores de vacinas, sendo a aplicação indolor. Resumidamente, os passos para implantação são os seguintes: 1. Scaneie o animal para checar se não há nenhum microchip já implantado; 2. Scaneie o microchip para verificar se o número está correto; 3. O microchip deve ser aplicado no dorso entre as escápulas; 4. Use a mão para sentir o local da implantação; 5. Desinfete a pele no local de implantação usando algodão saturado em álcool; 6. Com uma das mãos, levante a pele do animal no local da implantação; 7. Insira a agulha a um anglo de 45°C com o êmbolo da seringa para cima; 8. Rapidamente, empurre até o final o êmbolo da seringa e retire a agulha; 9. Scaneie a área para assegurar que o microchip pode ser lido.

8) Quem poderá fazer a aplicação do Microchip?
R: A aplicação do microchip deve ser feita exclusivamente por Médico Veterinário devidamente credenciado pelo clube cinófilo correspondente, que poderá a seu critério cadastrar mais profissionais.

9) A aplicação de microchip fere o animal?
R: Embora a agulha do aplicador de microchip tenha o diâmetro um pouco maior do que uma agulha de aplicador de vacina, os animais reagem da MESMA maneira, sendo o procedimento indolor. O microchip é completamente biocompatível e inofensivo à saúde do animal.

10) O animal deve ser sedado para receber o microchip?
R: Não! Injetar microchip é um procedimento igual a aplicação de uma injeção comum. Anestesiar o animal não é requerido e não é recomendado.

11) É possível que o animal seja alérgico ao microchip?
R: O microchip é inerte, liso e biocompativel. Não há virtualmente nenhuma possibilidade de desenvolver processo alérgico ou de rejeição do microchip após corretamente injetado no animal.

12) O microchip pode mover-se dentro do corpo do animal?
R: Quando implantado corretamente e se utilizado microchip com produto de camada antimigratória, uma pequena camada de tecido conexivo se forma em torno do microchip, impedindo a migração do mesmo.

13) Qual é a melhor idade para aplicar o microchip em cães?
R: A aplicação pode ser feita já no 10º dia de vida, mas em regra geral é aplicado juntamente com a terceira dose da vacina Múltipla, ou seja, aos 3 meses de idade.

14) É possível cadastrar no banco de dados da cinofilia oficial, animais que já possuem microchip? É permitida a entrada no sistema de animais que nasceram antes da data da obrigatoriedade?
R: Sim. Não só é permitido como é recomendado. Qualquer animal com registro oficial pode entrar no cadastro e ser identificado com microchip.

15) Onde é possível encontrar mais informações sobre a tecnologia?
R: Em vários sites na internet é possível encontrar informações interessantes sobre a tecnologia e seu uso no Brasil e no mundo. Basta entrar em algum site de busca e procurar por “microchip animal”, por exemplo. Também é possível sanar dúvidas, tanto em relação à tecnologia como da obrigatoriedade em cães no Brasil visitando o site da FECESP (http://www.fecesp.com.br/) ou da Partners (http://www.partners.inf.br/), onde inclusive há vários arquivos para downloads. A FECESP e a PARTNERS agradecem a colaboração de todos os envolvidos no segmento.
Saiba mais visitando o site da FECESP"

O Sonho


" ONDE A PRESERVAÇÃO É A PRIORIDADE"


A nossa criação está localizada em Florianópolis- SC - 
Somos Especializados em SHIH TZU.


Todos nossos exemplares estão dentro do padrão exigido pela CBKC e FCI.


Somos associados ao Kennel Club de Florianópolis. Nossos cães são criados soltos , com todo Amor e Dedicação que eles merecem!

Como que surgiu o sonho de criar:

Na minha vida eu sempre tive cães , sempre poodles! ( Ainda tenho paixão por poodles).

Então, sempre morei em casa, e qdo  casei me mudei para um apartamento, trabalhávamos fora, e sabíamos que faltava alguma coisa para completar, pois não tínhamos filhos e nem previsão ainda...

E assim começa a saga de procurar um filhote...de qual raça? 
Tínhamos em mente algumas raças como shih tzu, lhasa, maltês ou yorkshire, e estudando bastante sobre cada raça, temperamento, tamanho, necessidade de espaço, alegria, independência, e que não necessitava de muitos exercícios, optamos pelo shih tzu....Mas não foi assim tão fácil....Na verdade fomos ver alguns criadores de shih tzu. E quando eu vi pela primeira vez aquela coisinha preta e branca, parecendo um pandinha nos apaixonamos...e era ela , mais nada!!! amor a primeira vista.
Foi a primeira que vimos....no primeiro canil que visitamos achamos nosso BB. Pois já tinhamos ligado para vários, e achamos em um canil bom, que tinha amor pelos cães, que isso é o mais importante do que qualquer outra coisa....O nome dela, já estava escolhido a muito tempo : Megan. ( Nome em homenagem a "Megan" de Drake e Josh (seriado americano )).
E depois veio aquela vontade de ter mais um, pra fazer companhia para a Megan....normal neh? heheheeh Mas não era só mais um.... queríamos mais..e mais.... shihtzu é um vício!!!

Logo queríamos ter filhotes da Megan, para cuidar e ver o seu desenvolvimento, como que era isso, como que era essa sensação!
E foi qdo surgiu a idéia de "criar" claro que até acharmos o macho perfeito pra ela, estudamos mto sobre a raça, sobre a criação com outro criador que fizemos amizade que tem muita experiência. Viajamos muito atrás de padreadores de alta linhagem, importados e etc...
Sendo assim poderíamos  ter filhotes em casa!Começamos a adquirir fêmeas antes mesmo da Megan ter Filhotes, procurando sempre linhagens de sangue melhores, pois criação não é só colocar fêmeas para procriar....e sim planejar o acasalamento perfeito!

Depois de uns meses veio a Vanilla pra alegrar o nosso lar e logo em seguida a Madonna que trouxemos do Rio de janeiro, e depois que a Megan teve BBs ficamos com duas filhotas dela : Daphnne e Prada.

E foi assim que tudo começou....


O nome do canil :" Mon Amour Megan", é em homenagem a minha primogênita Megan, minha primeira shihtzu, o nome é dedicado á ela "Meu  Amor Megan" a nossa Meguinha!

Se você pretende comprar um filhote, comece a procurar com bastante antecedência, pois a pessoa acaba comprando um shih tzu que não era  exatamente o que você quer , só porque estava disponível.... procure bastante, pesquise, estude sobre a raça.

O mais importante na questão saude é NUNCA comprar filhotes de pet shops, revendedores, feirinhas, ou até mesmo na rua ....o barato pode sair caro! Compre sempre filhotes registrados, com pedigree e de criadores respeitados, que criam por amor a raça e não para fazer dinheiro pois acredito que seja impossivel criar como se deve e ainda ganhar dinheiro com isso, os gastos são muito grandes!
Cães criados dentro de casa terão muito provavelmente melhor temperamento do que aqueles criados em canis ou gaiolas. Exija carteirinha de vacina dos filhotes assinada por veterinário e o pedigree.

**********************

Temos ninhadas com menos frequência , mas com qualidade!
Nossa forma de trabalhar é bem diferenciada, temos poucos cães, damos intervalos entre cios, as vezes até de 2 anos para as matrizes, com 6 anos aposentamos, e continuamos com todas aqui conosco. NÃO nos desfazemos dos cães depois que passam da idade de reprodução! NÃO vendemos e nem doamos, TODOS ficam aqui pois são a nossa familia. 
Na fase de gestação damos alimentação diferenciada, além da ração, damos vitaminas e complementos. 
O parto é feito por mim, eu ajudo desde o inicio, os recém nascidos e mamãe ficam no nosso quarto até o desmame, depois passam para o outro quarto e assim é a minha criação... dentro de casa, conosco.... não temos gaiolas, não temos baias, eles ficam 24hs por dia soltos conosco. Só enviamos os filhotes para fora de SC com 4 meses para garantir o bem estar, NÃO falsificamos carteirinha para mandar mais cedo. 

Cada dia que passa nos apaixonamos mais pela raça, além de criar, levamos em exposições  e fazemos mais por gosto do que competição..Usamos produtos importados nos nossos cães , promovendo a qualidade da nossa criação.


Não somos um “canil” propriamente dito, já que todos os cães vivem dentro de casa consoco. Eu sempre falo que EU moro com os cães e não eles comigo! 


Entregamos para SC a partir dos 70 dias de vida com:

- Contrato de Compra e Venda e garantia;
- Pedigree CBKC (Único com validade Internacional) 
- Carteirinha de saúde onde constam as vacinas tomadas, as vermifugações e todo histórico de saúde do filhote; ( 2 vacinas )
- Kit do Canil apenas para Residentes em SC.

Entregamos para fora de SC a partir dos 4 meses de vda com : 


- Contrato de Compra e Venda e garantia;
- Pedigree CBKC (Único com validade Internacional) 
- Carteirinha de saúde onde constam as vacinas tomadas, as vermifugações e todo histórico de saúde do filhote; ( todas as vacinas )
- Atestado de saúde assinado por veterinário responsável;
- Caixa de transporte com bebedouro de bilha

Damos assistência  após compra do filhote.




Estamos à disposição!
Carolina e Wagner

Forma de Pagamento

À vista e parcelado no cartão de credito!
A uol uma grande empresa ,muito bem conceituada no mercado  online, hoje criou um Banco proprio,onde hoje aceita varios cartões de credito de todas as bandeiras, com um juros de 1,99% por mes, sendo o juros por parcela mais baixo do mercado.

Então faça seu cadastro no pagseguro, e não perca tempo.

Trabalhamos com reserva de filhote , o que isso quer disser:


Se o filhote que vc escolheu ainda não tem idade pra ir pra seu novo lar, trabalhamos com deposito bancario , assim vc não perde seu filhote e nos temos a garantia que não haverá desistencia do mesmo
(VALOR DA RESERVA NÃO SERÁ DEVOLVIDA EM CASO DA DESISTENCIA DO COMPRADOR)
 
 

Ninhadas


ESTAMOS SEM NINHADA DISPONÍVEL E SEM PREVISÃO.

Ninhadas anteriores:

Prada x Darth Vader
Daphnne x Darth Vader
Prada x Darth Vader
Vanilla x Darth Vader
Daphnne x Gucci
Madonna x Darth Vader
Prada x Darth Vader
Daphnne x Gucci
Megan x Darth Vader
Madonna x Darth Vader
Vanilla x Yoko
Megan x Yoko
Megan x Shibi


Temos ninhadas planejadas portanto se deseja um ShihTzu do nosso canil, entre em contato antecipadamente.


Valores apenas por e-mail ou telefone.


Como Funciona:



Só fazemos reserva com 30 dias do nascimento 30% do valor do filhote.
Os que estiverem na lista serão avisados logo após o nascimento.

 Despacho para fora do estado de SC:
*Procedimento necessário para embarque de cães:

- O animal deve ter no mínimo 04 meses; (A vacina é obrigatória para animais a partir de 4 meses de idade e deve ter sido aplicada há mais de 30 dias e menos de 1 ano.)

- Carteira de vacinação; Com todas as vacinas em dia (3 doses da polivalente + 1 dose da anti-rábica) assinada por médico veterinário.

- Certificado de saúde; Informando que o animal está em condições para viagem aérea, assinada por médico veterinário.

- Caixa de Transporte; O animal deve ficar em pé sem encostar a cabeça na parte de cima da mesma, bem como a larguara da caixa deve possibilitar o giro de 360° do animal.

CIDADES ATENDIDAS


Atendemos Sul e  Sudeste;
- Valores mediante consulta;

- Caixa de Transporte: R$80,00


- VALOR DO FRETE = Taxa da TAM + Caixa de transporte.

Questionário Compra De Filhotes

Mon Amour Megan